Box

Manual of usage of the box

______________________________________

The rules of the Box (EN)

1. The box holds a set of diverse materials which can be used as principles or work proposals (artistic imputs).

2. The box travels hand to hand or by post between the INCONSUMIVEL artists.

3. Who receives the box (a person or a group of people) is responsible for it.

4. Who receives the box has to post it in www.inconsumivel.wordpress.com/map and mention where it is at that moment.

5. Who receives the box, is bound to create with it a creative proposal of any order and format.

6. To create this proposal, each INCONSUMIVEL artist has the freedom to choose the way of using the box, the relations that will establish with it and with what will be found in the inside of it, working in the way that is best for them, even establishing collaborations with other people (our Inconsumable-accomplices).

7. Each artist can stay with the box the period that is necessary for them, taking in consideration that other people are waiting for it, and that of the circulation of the box depends a whole net of strategies and collaborations.

8. Each artist has to document his/her work with the box in the way that is more aproproated to them

9. The documentation of the actions made with the box must be posted in the website in (www.inconsumivel.wordpress.com/documentation, creating a new sub-page)

10. When an artist ends the experience with the box, he/she must place in the inside of it a new material, that is important for the artist and for the box.

11. The materials placed inside the box can be of diverse nature, different weight, size, volume and variable texture. Who places a new material inside the box should raise some questions:

-The box has a finite space to be filled in collectively. Very big materials will occupy a very large amount of space.

-The box will travel between cities, countries and continents. Very heavy materials will increase the cost of transport and make it more difficult.

-We don’t know how long the box will travel, but we hope that this migratory process lasts. Organic or perishable materials can spoil the inside of the box, putting in risk all its content and diminishing its lifetime.

12. Who has the box is responsible for sending it to its next destination, finding the best solution so that the box travels safely.

13. Who has the box decides who will be the next INCONSUMIVEL to get it. It is also possible that inconsumable artists request the box to someone who has it. An Artist can also take advantage of a meeting or situation that favors the shift of the box and that promotes collaborations between INCONSUMIVEIS.

14. Who has the box has to take care of its physical integrity, fixing it and improving it whenever they think it is necessary so that the box can keep on traveling and doing its job.

15. After sending the box to its next destination, the artist must fill in a form available at www.inconsumivel.wordpress.com/form, and post it in under Arquive, sharing with all of us the strategies and ways of operation that were used during their experience with the box.

If you still have any doubt: try and figure it out by yourself!

As regras da caixa (PT)

1. A caixa abriga um conjunto de materiais diversos, que podem ser utilizados como princípios ou propostas de trabalho (imputs artísticos).

2. A caixa viaja de mão em mão, ou pelo correio entre os artistas inconsumiveis.

3. Quem recebe a caixa (uma pessoa ou grupo de pessoas) é responsável por ela.

4. Quem recebe a caixa tem que anunciar na Página Box Map onde ela se encontra nesse momento.

5. Quem recebe a caixa se compromete a realizar com ela uma proposta criativa de qualquer ordem ou formato.

6. Para realizar esta proposta criativa, cada artista inconsumivel tem a liberdade de escolher o modo de utilização e as relações que estabelecerá com a caixa e com aquilo que encontrar no seu interior, e pode trabalhar da forma que desejar, estabelecendo inclusive colaborações com outras pessoas (nossos cúmplices inconsumiveis).

7. Cada artista pode ficar com a caixa o tempo que lhe for necessário, levando sempre em consideração que outras pessoas estarão esperando por ela, e que da circulação da caixa depende toda uma rede de estratégias de colaboração.

8. Cada artista se compromete a documentar o seu trabalho com a caixa da maneira que lhe parecer mais apropriada.

9. A documentação das acções realizadas com a caixa deve ser postada no website inconsumivel (www.inconsumivel.wordpress.com/documentation, criando uma nova sub-página)

10. Quando finalizar a sua experiência com a caixa, cada artista inconsumivel deve colocar no interior dela um novo material, que julgue importante para si e para a caixa.

11. Os materiais colocados na caixa podem ser de naturezas diversas, com tamanho, peso, volume e textura variáveis. Quem coloca um novo material na caixa deve levar em conta algumas questões:

-A caixa tem um espaço finito a ser preenchido colectivamente. Materiais muito grandes ocuparão muito espaço.

-A caixa vai viajar entre cidades, países e continentes diferentes. Materiais muito pesados vão dificultar e encarecer seu deslocamento.

-Não sabemos quanto tempo esta caixa permanecerá viajando, mas esperamos que este processo migratório dure. Materiais orgânicos ou perecíveis podem estragar o interior da caixa, colocando em risco todo o seu conteúdo e diminuindo seu tempo de vida.

12. Quem está com a caixa fica responsável por enviá-la ao seu próximo destino, encontrando a solução que lhe parecer mais apropriada para que a caixa viaje com segurança.

13. Quem está com a caixa decide quem será o próximo inconsumivel a recebê-la, podendo também atender a um pedido (os artistas inconsumiveis podem solicitar a caixa), ou aproveitar algum encontro ou situação que favoreça o deslocamento da caixa e que promova colaborações entre inconsumiveis.

14. Quem está com a caixa deve cuidar da integridade física da caixa, fazendo os consertos e melhorias que julgar necessários para que a caixa possa continuar viajando e cumprindo a sua função.

15. Após enviar a caixa ao seu próximo destino, o artista inconsumivel deve preencher um formulário (disponível em http://www.inconsumivel.wordpress.com/form, e postá-lo no link  “arquive”, partilhando com todos as estratégias e modos de operação que utilizou na experiência com a caixa.

Se você ainda tem alguma dúvida: se vira!

Advertisements